o
o

DICIONÁRIO
o
o

o

o 0

A B C D E F G H I J L M N O P Q R S T U V X Z



G

ganga - Parte não aproveitável da massa de uma jazida filoniana. Designação aplicada sobretudo no caso de minérios metálicos.

gabro - rocha plutônica básica, granular, essencialmente constituída por plagioclásio cálcico e augita. Possui coloração escura.

g (gama) - fator que quantifica a redução da espessura da crosta original em um determinado ponto, quando esta sofre estiramento.
Numericamente, corresponde a 1-1/b [vide b (beta)].

geleira - Massa de gelo formada nas regiões em que a queda da neve suplanta o degelo passível de deslocamento, ou à favor das encostas de montanhas ou vales, ou sobre áreas continentais extensas. Os dois tipos principais de geleira são: alpino ou de vale e o continental ou inlandsis.

geoanticlinal - Arqueamento em grande escala por movimentos tectônicos formando uma região de fácil erosão.

geocronologia - ramo da geologia que se ocupa da avaliação da idade das rochas e eventos geológicos. São utilizados os seguintes métodos: 1) Métodos relativos como a relação estrutural de estratos, seu conteúdo fóssil; 2) Métodos absolutos a geológicos, p.ex., deduções cronológicas da espessura ou resistividade de sedimentos, da salinidade dos mares; 3) Físicos como datações pelos métodos
Rubídio-Estrôncio, Potássio-Argônio, Carbono 14, Urânio-Chumbo.

geodinâmica - parte da geologia que trata das manifestações dinâmicas do interior da Terra que afetam as características da crosta.

geodo - nódulo destacável de uma rocha contendo uma cavidade recoberta por cristais ou matéria mineral. (Sin: Drusa).

geofísica - ciência que estuda a Terra por meio de métodos físicos quantitativos. Estuda os fenômenos físicos que afetam a Terra, tais
como: os efeitos da gravidade, do magnetismo, da sismicidade e do estado elétrico do planeta. Determina ainda as propriedades
físicas da crosta e manto que condicionam tais fenômenos (2).

geóide - Forma verdadeira do globo terrestre.

geologia - ciência que estuda a história da Terra e da sua vida pretérita. As maiores divisões da geologia são a geologia física ou dinâmica
e geologia histórica. A geologia física investiga as causas e processos das modificações geológicas, da forma, arranjo e estrutura
interna das rochas. A geologia histórica estuda os fenômenos e biológicos do passado (2).

geologia ambiental - aplicação dos conhecimentos e princípios geológicos para avaliar os problemas causados pela exploração e ocupação humana do meio ambiente. Os estudos utilizados são de: topografia, geologia de engenharia e econômica, hidrogeologia, assim como os processos, recursos da terra e propriedades físicas, químicas e mecânicas dos materiais que constituem a Terra.

geologia aplicada - usa conceitos e métodos geológicos para pesquisa de problemas específicos como: prospecção e mineração - geologia econômica, água - hidrogeologia, petróleo - geologia do petróleo, verificação das condições geológicas para obras de engenharia
- geologia aplicada à engenharia, defesa bélica - geologia militar, etc. (2).

geologia de engenharia - aplicação dos conhecimentos do meio físico geológico, através das denominadas Ciências da Terra, em suas relações com as  obras de engenharia nas fases de sua concepção, viabilidade, projeto, construção, operação e manutenção.

geologia de planejamento - campo de aplicação do conhecimento geológico em obras de engenharia - barragens, escavações, mineração, obras viárias, portos, canais, edificações e obras de arte; análise ambiental; planejamento urbano e regional; e recuperação do meio ambiente; considerando os aspectos relacionados à geologia, confecção e utilização de cartas geotécnicas e geológicas, e
legislação ambiental.

geologia estrutural - a) estudo da forma, atitude e modo de ocorrência das rochas na crosta terrestre ; b) estudo dos processos, causas e produtos da deformação e estruturação das rochas na crosta terrestre (1). I: Structural Geology.

geomecânica - designação mais ampla que o conceito de mecânica das rochas, pois se refere ao ramo de ciência que estuda, sob os aspectos teórico e aplicado, o comportamento mecânico de todos os materiais geológicos - solos e rochas, e as suas reações aos campos
de forças que se manifestam sobre o respectivo ambiente físico.

geoquímica - parte da geologia que estuda a freqüência, distribuição e mobilidade dos elementos químicos na Terra, litosfera, hidrosfera,
biosfera e atmosfera.

geomorfologia - estudo das formas de relevo atuais e investigação da sua origem e evolução.

geossinclinal -  área subsidente da crosta terrestre (bacia) na qual se acumulam pacotes vulcano-sedimentares com espessuras de milhares de metros; termo proposto por Dana (l873). Com o advento da Tectônica de Placas, os processos associados aos geossinclinais
foram interpretados como relacionados à abertura e fechamento de um oceano (1). I: Geosyncline.

geossutura - zona linear limítrofe de colisão litosférica, quando esta envolve massas continentais e/ou arcos de ilha; zona limítrofe entre
unidades geotectônicas contrastantes da crosta continental, que se configura, em muitos lugares, como uma grande falha de
que estende através de toda a espessura da crosta. Megassutura é um termo de significado geotectônico mais amplo, que
abrange não apenas os cinturões de dobramento ou cinturões orogenéticos, mas também inclui as profundas bacias que lhes
estão associadas (1). Sin.: Sutura. I: Geosuture, Suture.

geotectônica - estudo da deformação da crosta terrestre, em escala global, nos seus aspectos dinâmicos e genéticos (1). Sin.: Tectônica
Global. I: Geotectonics.

geotérmico - Veja grau geotérmico

gnaisse - grupo de rochas metamórficas originadas por metamorfismo de catazona, de textura orientada, granular, caracterizada pela
presença de faldspato, além de outros minerais como quartzo, mica, anfibólio. Rocha muito comum no embasamento cristalino
brasileiro. I: gneiss.

gráben - a) bloco abatido, relativamente alongado e estreito, limitado por falhas normais. Sua definição original (Suess, 1885) referia-se
à feição geomorfológica muito mais do que à tectônica (1). Sin.: Fossa Tectônica. A/I: Graben.

granitização - processo de transformação de rochas pré-existentes em rochas de caráter semelhante ao do granito, sem ter havido um estágio magmático intermediário.

granito - rocha plutônica, ácida, granular, essencialmente constituída por quartzo e feldspatos alcalinos e, acessoriamente por biotita,
muscovita, piroxênios e anfibólios. Possui coloração clara.

granodiorito - rocha plutônica, ácida, granular, de composição intermediária entre o adamelito e o quartzo diorito, constituída por plagioclásio, quartzo e feldspato potássico; com biotita, hornblenda e, mais raramente, piroxênio.

granulação - aspecto da textura de uma rocha ligada ao tamanho dos seus componentes. É subdividida em: microcristalina, com grãos não
reconhecíveis a olho nu; fina, com tamanhos até 1 mm; média, de 1 - 10 mm; grossa, com grãos de 10 - 30 mm.

granulito - rocha metamórfica equigranular, sem minerais micáceos ou anfibólios e, portanto, sem xistosidade nítida. Produto de metamorfismo regional do mais alto grau.

granulometria - medição das dimensões dos componentes clásticos de um sedimento ou de um solo. Por extensão, composição de um sedimento quanto ao tamanho dos seus grãos. As medidas se expressam estatisticamente por meio de curvas de freqüência, histogra-mas
e curvas cumulativas. O estudo estatístico da distribuição baseia-se numa escala granulométrica. (Sins: análise granulométrica,
análise mecânica).

grau geotérmico - Número de metros em profundidade na crosta terrestre, necessárias ao aumento de temperatura de 1ºC. O grau geotérmico depende dos seguintes fatores: 1) condutibilidade térmica das rochas; 2) proximidade do foco térmico, por exemplo, um vulcão; 3) estrutura das rochas (as camadas inclinadas apresentam um grau geotérmico mais curto que as horizontais); 4) morfologia (o grau geotérmico aumenta nas serras, ao contrário dos vales). Grau geotérmico normal 33m = 1ºC. A mina de Morro Velho (MG) apresenta um grau geotérmico médio de 55 m, aproximadamente.

grauvaca - rocha sedimentar constituída de fragmentos arenosos, geralmente quartzo, e quantidade significativa de material argiloso.

gravimetria - método de prospecção geofísica cuja finalidade é investigar estruturas geológicas através do conhecimento das variações do
campo gravitacional da Terra produzidas por irregularidades na distribuição de massa nas partes superiores da crosta terrestre.

gretas de contração - fendas em sedimentos de granulação fina, heterogêneos, inicialmente supersaturados de água, formados por evaporação e aumentam em extensão e largura com o grau de ressecamento. Essas estruturas sedimentares servem para indicar topo e base de seqüências estratigráficas.

gruta - cavidade natural, relativamente grande, com ou sem abertura para a superfície. Sin.: caverna.

guano - Depósito orgânico de clima quente, constituído essencialmente de excrementos de aves, como também de ossos e outros restos. Por remobilização, juntamente com calcários subjacentes, formam-se fosfatos cálcicos, constituindo importantes adubos de fósforo.


A B C D E F G H I J L M N O P Q R S T U V X Z



Copyright 2007  Portal Geotrack® - Todos os direitos reservados
Responsável: Geól. Rodrigo Dantas Pinheiro
rodrigodanttas@click21.com  
 

 

O que é Geologia? O que é Geologia? Comunidades Empregos Opinião Google Earth Downloads Eventos Links Vídeos Dicionário Onde estudar? Geoturismo Artigos Wallpapers Concursos Nossa Equipe Anunciantes Contatos